quinta-feira, 28 de outubro de 2010

terça-feira, 26 de outubro de 2010

Me pergunte se um dia já fui cúmplice de sonhos, se acreditamos que um dia estaríamos juntos novamente, sei que mesmo sozinho posso caminhar em pensamento, guardo nas lembranças o som do seu sorriso... Um dia acreditei que poderia dividir tudo, que uma lágrima, ah! está, apenas seria de felicidade, sei que hoje a sua voz não faz mais presença na minha vida, mas, mesmo assim posso te ouvir, sei que em cada passo que posso trilhar, sigo com a esperança que um dia iremos nos reencontrar, sei que mesmo só, sua distância é quase nula, porque mesmo longe ainda posso te sentir...